Cobertura Minuto HM – Scorpions em SP (show 1) – parte 1

SCORPIONS! Achamos que ia acabar aqui, mas 2 anos depois, eles estão de volta mais um vez ao nosso país, ainda na mesma tour de despedida! Será que pela última? Quem arrisca afirmar agora agora? Eu não arrisco e também torço para que continue não sendo 🙂 .

Já estou por aqui no Credicard Hall e, na noite de hoje, terei a companhia do Rolfístico Personagem para o show dos alemães.

Um verdadeiro inferno de 2 horas para se chegar ao local do show, sendo o percurso feito em primeira marcha do carro na maior parte do tempo.

Ao chegar, mais uma zona e desorganização para estacionar, com carros sendo colocados colo sacos de cimento. Claro que para isso se paga “apenas” R$ 40,00.

Tirando isso, vamos que vamos. A casa está abarrotada com público ansioso pelo provável penúltimo show da banda na cidade em sua carreira.

A pista normal, local de hoje, está tão cheia que tem gente no corredor já, atra das mesas de som, como tentarei mostrar na foto abaixo. Realmente lotado, mostrando que a banda é muito grande para uma casa como esta – infelizmente é lamentável pagar tão caro como pagamos por um nível geral de serviço e conforto tão ruim.

Na PA, Aerosmith, War Machine, do Kiss, Back In Black, Enter Sandman…

Obs.: aproveitando este clima, não deixe de conferir (ou relembrar) nossa discografia da banda, capítulo a capítulo, começando pelos posts neste link. É diversão na certa!

[ ] ‘ s,

Eduardo.



Categories: Agenda do Patrãozinho, Cada show é um show..., Scorpions

14 replies

  1. Impressionante como numa cidade civilizada é preciso penar por horas e gastar absurdos por um simples estacionamento para acompanhar mestres como o Scorpions….E pior é já achar isso trivial…
    Desde já vai a minha admiração à vocês, Eduardo e Rolf, pelo sacrifício que provavelmente é esquecido no momento em que a banda entra no palco…
    Eu aqui fico aguardando a continuação da matéria, que promete ser bem melhor dos que os agrouros que o brasileiro precisar passar para ver um show de qualidade…

    Alexandre

    Like

    • B-Side, é um absurdo termos que passar por tudo isso. O Credicard Hall já fica localizado em um local de acesso ruim da cidade e, quando finalmente se chega, além do ingresso e da taxa de conveniência que nada serve a não ser dar dinheiro que não se reverte em nada, temos toda essa dificuldade em estacionar de forma que fiquemos tranquilos com nossos carros – e sendo praticamente “roubados oficialmente”.

      Sei que há a questão dos impostos e tudo mais, mas não posso dizer aqui de falar que, por USD 29,00 (isso mesmo), dava para ver um show do Iron Maiden na Califórnia, com estacionamento enorme e grátis, em um lugar com visão muito melhor que a pista do Credicard Hall, por exemplo. Só o estacionamento (!) da casa custa R$ 40,00. Me sinto um tremendo otário, na verdade.

      Não acho (e sei que você também) não nada trivial e não consigo me conformar com isso. Infelizmente, as questões mais básicas precisam ser revistas, mas como? Só tem gente interessada em dinheiro, mesmo…

      Bom, a resenha já saiu… aguardo seus comentários, a responsabilidade em escrever para gente como você lendo é gigantesca…

      [ ] ‘ s,

      Eduardo.

      Like

  2. Consegui ir encima da hora no segundo show (21/09), faltando só 30 ingressos pra esgotar! Pelas resenhas que andei lendo, o primeiro show parece ter sido bem melhor que o segundo. Eu gostei bastante, só achei que o som estava meio distorcido e chiado (especialmente no solo antes de Big City Nights). Mas valeu a pena. Falando na PA, no show do dia 21 eles tocaram exatamente essa mesma sequência de músicas: Aerosmith, War Machine, do Kiss, Back In Black, Enter Sandman. Putz, mas lembro que logo após Enter Sandman, tocou uma música que eu adorei! Comentei com o povo em volta de mim e ninguém sabia o nome! Cara, por acaso você não sabe? É a música que tocou logo após Enter Sandman. Só lembro que era bem Pop Rock anos 80. Gostei muito e não tô achando em lugar nenhum!

    Like

    • Rodrigo, primeiramente, seja bem-vindo ao Minuto HM. Aproveite o espaço.

      Sinceramente, não consigo me recordar da música, eu fiz o post ao-vivo e foi publicado exatamente quando Enter Sandman estava tocando, então provavelmente estava concentrado no texto e não me recordo mais – até porque o show logo começou depois.

      Se por um milagre isso “aparecer” na minha cabeça, terei o maior prazer em trazer por aqui. Falarei com a pessoa que estava comigo no show, de qualquer forma…

      Continue conosco.

      [ ] ‘ s,

      Eduardo.

      Like

  3. Valeu mesmo! Na maioria dos shows eles sempre tocam essas mesmas músicas antes de começar, mas essa eu gostei muito e todos ao redor também mas ninguém sabia o nome rsrs. Se conseguir descobrir, vou agradecer muito! Em relação ao show, foi uma pena eu não ter aproveitado tanto quanto todo mundo. Acho que o Credicard Hall realmente deve ter sido feito para receber artistas sertanejos e afins, pois o som estava realmente bastante distorcido no segundo show, como se o equipamento não estivesse dando conta, sabe. E também estranhei não ter visto a tradicional pilha de Marshalls que a gente costuma ver nos shows de Rock. Sei lá, se tivesse sido no estádio do Morumbi ou outro lugar que esteja acostumado a receber bandas de Rock, teria sido melhor. Mas também não posso reclamar muito, né. Eu vi o Scorpions ao vivo! Isso já valeu muuuito. Abraço!

    Like

    • Rodrigo, desculpe, mas acho que ficaremos devendo a resposta desta música pós Enter Sandman… realmente estava com atenção ao post e não me recordo, de verdade…

      Concordo 100% contigo que locais como estes não podem receber bandas do tamanho do Scorpions! Simplesmente não dá!

      Sobre o segundo show, também tivemos um especialista da banda aqui do blog presente e teremos uma resenha publicada por aqui em momento oportuno à ele…

      Continue conosco.

      [ ] ‘ s,

      Eduardo.

      Like

  4. E aí MHM!! Sou o Rodrigo que fez os comentários acima. Só queria passar pra avisar que finalmente encontrei a bendita música, e bota bendita nisso!! Se chama RUN TO YOU – BRYAN ADAMS, espetacular! É a música misteriosa que tocou depois de Enter Sandman na PA e que ninguém sabia o nome. Me senti na obrigação de compartilhar com vocês, pois mesmo que vocês não soubessem, me ajudaram e deram atenção. Muito obrigado, abraço pessoal!!

    Like

  5. Nossa, quase esqueci rsrs eu achei a música assistindo a VH1, vendo um programa sobre o Bryan Adams e de repente tocou. Eu já tinha ouvido falar dele mas nunca tinha ouvido nenhuma música!

    Like

  6. Segue o clip da música citada pelo Ozzrhoads ( Rodrigo). Confesso que já tinha ouvido uma ou duas vezes, e no meu entender, tem até alguma relação com as músicas mais acessíveis do Scorpions, assim é perfeitamente justificada a presença dela nos PAs antes dos shows dos alemães.

    Como curiosidade, Brian é co-autor de uma senhora cacetada , uma das mais proeminentes da carreira do KISS, War Machine.

    Valeu !

    Alexandre

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: