Cobertura Minuto HM – SP Trip 2017 – Aerosmith e Def Leppard – parte 1

Como diria o Rolf: “ao leitor que passa seus olhos por essas parcas linhas”…

Após a chegada do Rio, pit stop mais que necessário em casa. No avião da volta, tive o enorme privilégio de ter Casagrande no mesmo voo e, mais que isso, de falar com ele sobre metal, sobre os shows do SP Trip, de shows “da vida” (ele disse que agora é o The Who neste mesmo SP Trip seu novo show da vida). Na terça, estará de novo por aqui para ver o Alice Cooper – “o Guns eu passo”, disse ele. Uma simpatia. Saímos do avião até a saída do aeroporto de Congonhas conversando lado a lado, com as paradas para fotos. Um cara sensacional mesmo.

Voltando, a saída para o show da noite no Allianz Parque se deu de metrô e, assim como o acesso ao estádio pela Pista Premium, nenhum problema. Só o povo que para na entrada e fica ali atrapalhando a entrada, mas é que brasileiro não resiste anima aglomeração e a uma fila…

Muitos cambistas mesmo circulando livremente mesmo com a presença da polícia. Todos vendendo as duas pistas, tanto Premium quanto a comum.

Faltam 15 minutos do horário de abertura do Def Leppard e a Pista Premium está bem tranquila, diria até vazia. Vamos ver se encherá. As arquibancadas estão em bom número, mas também apenas nos gomos mais próximos ao palco até o meio campo. O restante, vazias.

A recepção na PA foi com Get Back, dos Beatles.

Vamos que vamos. Mais uma grande noite de hard rock de primeira.

[ ] ‘ s,

Eduardo.



Categories: Aerosmith, Agenda do Patrãozinho, Cada show é um show..., Curiosidades, Def Leppard

6 replies

  1. André Kaminski lá do Consultoria do Rock.

    Bem bacana a cobertura do Rock in Rio de vocês. Estou aguardando a segunda parte do Guns e do The Who. Abraços caras!

    Like

  2. Para vermos como são as coisas… não dava para notar absolutamente nada “por fora” nos shows com ele. Pelo contrário: em SP, ele parecia ainda mais “alucinado” e enérgico do que normalmente ele já é, e isso é difícil…

    Que não seja realmente nada…

    [ ] ‘ s,

    Eduardo.

    Like

  3. Compro e vendo ingresso era o que mais se ouvia….

    Cade as fotos da “lembrancinha” na Kombi?
    Achei meio cafona, mas fui pegar a minha depois da moça dizer na segunda frase que era “grátis”. Quem sabe na próxima (pelo preço que se paga) a capa de chuva seja na faixa né?

    Quer dizer que vc teve atendimento exclusivo no stand das camisetas? Pelo menos é o que se vê pela foto.

    A parede de discos não testei, mas acredito que tinha que acertar a música para ganhar um copo personalizado, copo este que custava R$ 20,00 reais cada!!!

    Abraços.

    Like

  4. Pessoal, gostaria de um resumo dos shows, se não rolar a parte 2. E a vocês, meus sinceros parabéns pelo fôlego incansável…

    Alexandre

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: