Tá de Sacanagem! Symphony of Destruction – “Vocal Cover”

Estavam com saudades da nossa querida categoria “Tá de Sacanagem!” do blog?

Bem, aqui está ela voltando com “força” total. Aliás, falando em “força”, o vídeo abaixo mostra justamente a força, a energia, a movimentação, a sinergia, a empolgação, sem contar a linda narração, com movimentos precisos como de um bom relógio suíço.

Resumindo, é uma verdadeira aula de interpretação.

No solo, com os braços cruzados, ele dá ao mundo uma sensação de poder muito grande. Eu sinto isso sendo fortemente exalado no vídeo. Vocês não?

Tentem aguentar estes 4 minutos e pouco sem rir ou sem sentir aquela vergonhinha alheia. Eu desafio vocês!

Dave Mustaine nunca teve uma voz tão boa e poderosa!

[ ] ‘ s,

Eduardo.



Categories: Músicas, Megadeth, Tá de Sacanagem!

5 replies

  1. Realmente tem de tudo nesta categoria e esse video se encaixa perfeitamente:
    Os detalhes que vi – além da excelente animação, movimentação, empolgação, etc… e tal…
    1) O Solo não é o original – afinal que versão é esta?
    2) O Destaque da performance do rapaz(empolgadão-hein?)é em 2:22 antes do solo e o empolgante toar de .. “of destructioooonnnnn”….

    FR

    Like

  2. Sim….mais um exemplo na “qualidade” habitual que costumamos encontrar nesta categoria.
    Em relação ao solo, realmente não é o original, aliás nada é original, alguém(uns) se deu(ram) ao trabalho de gravar um track para recebermos um “presente vocal” deste quilate.
    E de onde vem esta figuraça ? Parece o neto do Hitler , o que mais gostei foi o sotaque carrrrrrrrrrrregado nos rrrrrrrrrrrrrrrrrs, em especial na frase ” Led rrrrrrrrrrats thrrrrrrrrrrrrough the strrrrrrrrrrreets”..

    Dave Mustaine perde….tá de super sacanagem!!!

    Bside

    Like

  3. Quando eu vi este vídeo pela primeira vez, eu ri tanto que confesso que em alguns momentos, nem estava vendo ou ouvindo nada…

    Com os comentários acima, lá fui eu de novo… e é isso mesmo… não me parece mesmo a música original, apesar de estar muito bem executada… sei lá qual seria esta versão (ou alguma demo?).

    Agora, o lance dos “rrrrrrrrrrrrrrrrr” vai piorando com o passar da música, ele vai “usando” eles cada vez com mais intensidade (vou falar “usando” para não falar “cantando”).

    É por isso que eu não me arrisco cantar nada, galera. Devo ficar neste nível, sem o tal os “rrrrrrrrrrr”. Mas, pelo menos, tenho ciência disso e não botaria isso online… hahahaha.

    [ ] ‘ s,

    Eduardo.

    Like

  4. Que perfomance empolgantzzzzz….
    Não posso deixar de destacar todo o grandioso efeito intimidador proporcionado pela sombra deste ser.
    Chega! To com vergonha ate de comentar.

    Like

  5. Q por** que esse pastor juvenil bêbado ta fazendo ai???!!!! Até eu canto melhor…

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: