31º Podcast Minuto HM – 16/março/2018

Mais uma sexta-feira de Podcast Minuto HM, a primeira das 4 esperadas para o ano.

Tivemos a TRIGÉSIMA PRIMEIRA edição ininterrupta da brincadeira reunindo por um pouco mais de 8 horas:

  • Eduardo [dutecnic] como host;
  • Flavio Remote;
  • Alexandre B-Side;
  • Itamar;
  • Kelsei;
  • Eduardo Schmitt e
  • Rolf.

Com a galera reunida, foram mais horas de risadas, gozação e encheção de saco de primeira. Ah, e também de heavy metal. Do meu lado, um cansaço acumulado como nunca, em um período até mesmo troca de emprego culminando com as coincidências do universo em ser o último dia justo nesta sexta do podcast… quero também pedir desculpas por toda hora ter de sair do papo, mas creio que todos entendem…

Um dos destaque desta edição foi falar da lista das “10 baladas metal”, da (ausência) dos critérios definidos (sendo alguns sendo inventados na hora, especialmente por mim) e cada um trazendo nomes que os participantes tinham que “aceitar” ou “limar” da lista que, de novo, tinha mas não tinha critérios. As listas arrancaram boas risadas e a cada certa “provocação”, certas indignações. Todos tinham listas com muitas opções e alguns escolheram certos “caminhos perigosos”. Eu, por exemplo, fui para o lado da provocação e brincadeira, com várias menções limadas. No final, nem mesmo eu sei quais são as que foram ou não aprovadas, e vou colocar a lista total (que, aliás, foi feita DURANTE o podcast, atrasadíssima) em comentário neste post – ponham as de vocês também, galera.

Também analisamos (finalmente) um pouco da coletânea do Jørn, muito bem avaliada, assim como também foi muito bem falado o álbum da Rita Lee, Fruto Proibido.

Já os resultados do throwdown dos álbuns sessentistas do Deep Purple (ainda no clima deste post) foram apertados:

  • Fase de Grupos – Shades of Deep Purple 3 x 2 The Book of Taliesyn
  • Final: Shades of Deep Purple 2 x 3 Deep Purple III (ou apenas Deep Purple).

Neste throwdown, resolvemos deixar uma pesquisa aberta para o público, para ter seu peso também especialmente em caso de empates durante a votação do podcast. A pesquisa aberta, entretanto, trazia os 3 álbuns para votação, não em “fases”, como fazemos durante o podcast quando há mais de 2 álbuns em análise. Os resultados do público (lembrando que quem participa do podcast não deve votar na pesquisa do blog) acompanharam o vencedor escolhido durante o podcast, mas não o vencedor na semifinal…

O podcast pode ser ouvido (por streaming) e/ou “baixado” no 4shared aqui (452 MB). Para fazer o download em formato MP3 para seu computador, após o login no site, clique no botão “Download Now” – o arquivo virá com a tag já devidamente formatada para seu MP3 player.

O teaser da edição anterior, também foi tocado, claro. Para conferi-lo / baixá-lo em seu computador / celular / tablet (11,5 MB), use o iTunes ou o 4shared.

Quero deixar registrado aqui um novo agradecimento ao B-Side. Este agradecimento não é “apenas” pelo GIGANTESCO trabalho para fazer o teaser, como em todas as edições, ou mesmo para dizer que a cada vez ele se supera e o trabalho fica melhor (o que também é verdade), mas pela incrível capacidade sensitiva do mestre em ter sumarizado novamente tão bem alguns momentos da participação do Daniel nos podcasts.

E, falando nisso, é com ENORME prazer que se oficializa por aqui uma ideia fantástica também comentada no podcast: o “Momento Daniel de Cinema no Minuto HM”. Essa ideia tem potencial para ser expandida (posts / colunas no blog, por exemplo), e vai sempre deixar a memória viva com os papos de cinema, séries, etc, durante os podcasts, algo que sempre foi muito legal.

E sobre a lição de casa para o próximo podcast, novamente vamos de metal nacional:

Álbuns:

  • Os Mutantes (1968), da banda homônima (sugestão do Itamar eu acho, já estava meio dormindo);
  • Carcaça (2011), do Carro Bomba (sugestão do Rolf).

E também um throwdown do Bruce Dickinson:

  • Accident of Birth x The Chemical Wedding

Está também aberta a pesquisa para o throwdown acima. Lembrando que o “voto popular” poderá ser usado para algum “desempate” no dia da análise dos álbuns, se necessário. Lembro a todos que quem vai participar do podcast não deve votar. Assim, aos participantes mais habituais, por favor não votem até o dia do próximo podcast – e só votem no dia (ou um pouco antes, claro) caso não consigam participar no próximo podcast…

E para o próximo podcast, também já é esperada uma discussão: até que nível cada participante “suporta” agressividade no vocal (qual é o limite)? Prevejo os comentários desde já, hahaha…

playlist em nosso canal no YouTube (não deixem de fazerem a inscrição no canal) está atualizada com os álbuns e throwdown desta edição:

Deixo um agradecimento especial a todos que participaram desta edição e um convite desde já para todos para a próxima edição, cuja data, desta vez, já está escolhida e “calendarizada”: 18/maio/2018.

Até lá!

[ ] ‘ s,

Eduardo.



Categorias:Accept, Aerosmith, Artistas, Black Sabbath, Cada show é um show..., Covers / Tributos, Curiosidades, Deep Purple, Def Leppard, DIO, Dire Straits, Discografias, Dream Theater, Green Day, Guns N' Roses, Helloween, Iron Maiden, Jorn, Judas Priest, Kiss, Led Zeppelin, Manowar, Marillion, Mötley Crüe, Músicas, MetallicA, Minuto HM, Motörhead, Off-topic / Misc, Pesquisas, Pink Floyd, Podcasts, Queen, Queensrÿche, Rainbow, Resenhas, Rolling Stones, Rush, Saxon, Scorpions, Sepultura, Slipknot, The Beatles, The Police, Van Halen, Whitesnake, Yes

26 respostas

  1. Carro Bomba entrou na programação e os dois do Bruce muito bom
    Podcast é algo sensacional.

    Curtir

  2. Aqui minha lista de baladas, teoricamente as com um asterisco são as escolhidas, ou escolhidas como provocação, portanto já não sei mais quais foram e quais não foram… e tem mais que 10 marcadas, justo as para provocação… uma bagunça.

    STILL LOVING YOU *
    WIND OF CHANGE *
    MAMA SAID
    FADE TO BLACK
    MAMA, I’M COMING HOME *
    A TOUT LE MONDE
    BEYOND THE REALMS OF DEATH *
    SILENT LUCIDITY *
    KISS – FOREVER
    NOTHING ELSE MATTERS
    WASTING LOVE
    THE THIN LINE BETWEEN LOVE AND HATE
    IS THIS LOVE *
    HERE I GO AGAIN
    I REMEMBER YOU
    PATIENCE *
    MORE THAN WORDS
    WASTED YEARS
    LOVE OF MY LIFE *
    I DON’T WANT TO MISS A THING
    BLAZE OF GLORY
    BROKEN WINGS
    POISON – ALICE COOPER *
    KAYLEIGH
    LOVE HURTS *
    NOVEMBER RAIN *
    HOME SWEET HOME *
    JUMP *
    SEND ME AN ANGEL
    WHY CAN’T THIS BE LOVE?
    ALL MY LOVE (LED)
    GOING TO CALIFORNIA *

    [ ] ‘ s,

    Eduardo.

    Curtir

  3. Foi muito bom retornar, foi muito divertido e ri até………agradeço à todos por estes excelentes momentos!!
    Presidente, apesar de toda a polêmica criada, gerada, debelada e outros adas, consegui salvar a minha playlist de baladas, segue abaixo:
    Lado A Lado B
    1. Change Black Sabbath 1. Rosa de hiroshima Secos e Molhados
    2. Us and them Pink Floyd 2. Balada do louco Os Mutantes
    3. Angie Rolling Stones 3. Maluco beleza Raul Seixas
    4. I don´t want to miss a thing Aerosmith 4. Medo da chuva Raul Seixas
    5. Mother Pink Floyd 5. Sangue latino Secos e molhados

    Ainda bem que as regras do podcast são extremamente rígidas para que pudéssemos resolver todas as divergências de todas as listas……

    Itamar

    Curtir

  4. Segue a minha lista, sem nenhum tipo de ranking definido:

    Queensryche – Silent Lucidity
    Bruce Dickinson – Arc of Space
    Kiss – Forever
    Metallica – Nothing Else Matters
    Dream Theater – Beneath the Surface
    Judas Priest – Angel
    Slipknot – Vermilion, Part II
    Kamelot – A Sailorman’s Hymn
    Helloween – In the middle of a heartbeat
    Blind Guardian – The Bard’s Song (in the forest)

    Depois comento sobre os pontos do podcast que eu estava ausente…

    Curtir

    • E complementando alguns pontos após a minha saida às 03:30 da manhã, queria dizer que o meu voto, para as duas batalhas do Purple era para o Shades of Deep Purple, o que significa que, logo de cara, se eu ainda estivesse online, iríamos usar o pool do pessoal que votou – o que não alteraria o resultado final do campeão.

      Outro ponto é sobre o disco do Jorn, que não tinha como ser ruim, até porque era coletânea. E também ao álbum da Rita Lee, que superou todas as minhas expectativas e eu achei um senhor rock’n’roll. Eu nunca tinha ouvido a versão original de Ovelha Negra e fiquei surpreso com a qualidade – por que as versões atuais foram tão alteradas, muito mais para o lado do Pop?! Meu respeito pela Rita Lee aumentou muito (não que ela precise dele …).

      Agora, esse throwdown que vocês fizeram – sacanagem hein!?! Prevejos dores agudas no meu fígado durante a votação.

      Curtir

  5. Mas uma divertidíssima edição do podcast. Impressionante como, muitas vezes, chegamos cansados ao início do evento, pensando que não dará pra “completar a missão” e quando notamos, já é cinco da matina e a energia ainda está em alta. Ótimo.
    Para um encontro caracterizado pela ausência de pauta o “Momento Daniel de Cinema no Minuto HM” é uma baita homenagem que permanecerá sendo feita a cada edição. Ótima a ideia.

    Segue a minha lista, sem nenhuma ordem:

    Rush – Tears
    Pink Floyd – Wish You Were Here
    Lad Zeppelin – Babe, I’m Gonna Leave You
    Black Crowes – Sometimes Salvation
    Deep Purple – When a Blind Man Cries
    Glenn Hughes – Coast To Coast
    Whitesnake – Northwinds
    Guns n’ Roses – Patience
    Aerosmith – Hole In My Soul
    Gary Moore – Still Got The Blues
    Metallica – Nothing Else Matters (limada por já estar em outra lista)
    Scorpions – Still Loving You (limada por já estar em outra lista)

    Curtir

  6. Pessoal, registrando a minha satisfação com o podcast , mais uma vez uma aula de todos,estou sempre aprendendo por aqui.
    Ao Rolf, muito obrigado por ” barrar” ao vivo a interpretação de Don’t Fade Away, do Sr Coverdale
    Ao Itamar, seja novamente bem vindo.
    Eduardos, Kelsei e Flávio, novamente um prazer trocar tanta informação com vocês
    Deixo minha lista de baladas aí embaixo :

    When the Smoke is going down – Scorpions
    Dont fade away – Whitesnake
    Soldier of Fortune -Deep Purple
    I still love you – KISS
    Disappear – Dream Theater
    Anybody listening? – Queensryche
    Just take my heart- Mr Big ( para desespero do Schmitt….)
    Bringing on the heartbreak- Def Leppard
    Tonight- Ozzy Osbourne
    Sleeping in the Fire -WASP

    Uma única foi barrada -= I’ll wait, do VH

    E trago uma pequena lista de músicas que ficaram em stand-by e não foram lembradas por outro integrante do podcast:

    Amazing – Aerosmith
    Save our love -Yngwie Malmsteen
    Rock Will never die – Michael Schenker Group
    Back on the streets- Vinnie Vincent Invasion
    All over now- Ace Frehley

    Até maio !!

    Alexandre

    Curtir

  7. Seguem as minhas na ordem do podcast

    Always Bon Jovi
    What love can be Kingdom Come
    A tale that wasn´t right Helloween
    The killing words Queensryche
    Lifting shadows off a dream Dream Theater
    What it takes Aerosmith
    Catch the rainbow Rainbow
    Born to touch your fellings Scorpions
    Over and over Black Sabbath
    Here I go again Whitesnake

    Curtir

  8. Pra tentar entender um dificil ” dever de casa ” para o próximo podcast:

    Alexandre

    Curtir

Trackbacks

  1. Aniversário de 9 anos do Minuto HM – Minuto HM
  2. 32º Podcast Minuto HM – 18/maio/2018 – Minuto HM

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: