Rush: mais homenagens à Neil Peart – 2020

Lendo recentemente o Blabbermouth, qual não foi a minha felicidade em ver que mais homenagens ao grande mestre Neil Peart tem continuado. Que sempre se perpetuem esses tributos.

Falecido há cerca de cinco meses, Peart segue recebendo diversas homenagens. Dessa vez, o tributo ocorreu em sua terra natal.

De acordo com o site, com informções do jornal St. Catherines Standard, o pavilhão na pequena cidade de Port Dalhousie, no Canadá, recebeu o nome do batera após uma votação popular. Segundo as autoridades locais, mais de 80% dos votos dados indicaram que o local deveria homenagear Peart. Excelente!!!

Neil Peart foi criado na pequena região de St. Catherines, próxima às famosas Cataratas do Niágara, e suas raízes influenciaram sua música.

Aliás, o som Lakeside Park, um dos sucessos com o Rush, homenageia um parque do local, onde Peart trabalhou quando era jovem.

A singela homenagem mostra que a cidade natal também não esqueceu do grande baterista, que certamente ainda receberá muitas homenagens ao longo dos anos e continuará sendo reverenciado pelas gerações futuras de amantes de todos os gêneros da música. Rush fez de tudo com maestria inigualável.

Para o incauto leitor que passa suas vistas nessas parcas linhas deste que vos escreve, saiba que as homenagens ao grande mestre, sempre que possível, farão parte dos nossos posts.

O Whiplash também noticiou e evento e tomara que a comunidade do metal sempre divulgue a memória aos grandes.

Vamos blindar os clássicos! Aliás, fiquei chocado com a “blindagem” da porta da casa do nosso Presidente para sala do som. Lembrei dessa parada. Coisa de primeira.

Letra de Lakeside, do Caress of Steel. Nosso mestre também era o principal letrista do Rush.

Midway hawkers calling “try your luck with me”

Merry-go-round wheezing the same old melody

A thousand ten-cent wonders, who could ask for more?

A pocketful of silver, the key to heaven’s door

Lakeside Park

Willows in the breeze

Lakeside Park

So many memories

Laughing rides

Midway lights

Shining stars

On summer nights

Days of barefoot freedom racing with the waves

Nights of starlit secrets, crackling driftwood flames

Drinking by the lighthouse, smoking on the pier

Still we saw the magic was fading every year

Lakeside Park

Willows in the breeze

Lakeside Park

So many memories

Laughing rides

Midway lights

Shining stars

On summer nights

Everyone would gather

On the twenty-fourth of May

Sitting in the sand

To watch the fireworks display

Dancing fires on the beach

Singing songs together

Though it’s just a memory, some memories last forever

Long live rock and roll.

Rolf “Dio” Henrique.

Deu o tradicional tapa e aguardando o Rolf e amigos ao final da pandemia para curtir um som na bat-caverna onde a brincadeira fica séria: Eduardo [dutecnic]



Categorias:Curiosidades, Letras, Músicas, Rush

2 respostas

  1. Em termo de Rush, eu nunca estudei as letras, então é legal saber que Neil trabalhava no parque. Mais uma justa homenagem ao cara que revolucionou as baquetas do progressivo …

    Curtir

  2. Kelsei, se você gosta de letras, tá na hora , hein…..Aliás, já passou da hora e tem tempo….
    Muito legal a homenagem
    Muito legal o post
    Muito legal a lembrança do Rolf
    Muito legal a lembrança do Rolf da porta da casa do Eduardo Presidente ( essa fica nas “internas”
    Muito legal o crédito do Eduardo ao fim do post

    Long Live Neil !!!

    Alexandre

    Curtir

Leave a Reply

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: