Heavy Metal: qual a sua tríade perfeita no Heavy Metal?

Existe uma mística que envolve o número 3. Desde tempos imemoriais, a natureza e o ser humano parecem funcionar com base em trios em proporção que exclui qualquer possiblidade de coincidência.

O 3 está em cada uma de nossas células, nas sequências de três elementos do DNA. Cada molécula é composta por elétrons, prótons e nêutrons e nosso corpo é 70% água, feita de três moléculas – duas de hidrogênio e uma de oxigênio.

Os dias se dividem em manhã, tarde e noite e o tempo é contado em passado, presente e futuro. Verde, vermelho e azul dão origem a todas as cores que captamos. Com três notas musicais se faz um acorde.

O Cristianismo tem a Santíssima Trindade e foram três os Reis Magos que encontraram o menino Jesus. Budistas e hinduístas também têm tríades em sua tradição religiosa.

Isso influenciou nossa forma de pensar, como na dialética hegeliana de tese, antítese e síntese. Ou na psicanálise de Freud, baseada no id, ego e superego. Montesquieu criou um sistema de governo dividido em três poderes. Até para ir à Lua enviamos três homens – Armstrong, Aldrin e Collins.

Espelho da realidade, as artes não escaparam desse padrão, demonstrado na profusão de triângulos amorosos nos livros e filmes. Também temos os 3 mosqueteiros, os 3 porquinhos, os 3 patetas. E são tantos os trios: Spock, Kirk e McCoy; Luke, Leia e Han Solo; Harry, Rony e Hermione.

Na música não podia ser diferente. Pavarotti, Domingo e Carreras eram os três tenores.

Lee, Lifeson e Peart, A Jimi Hendrix Experience, tinha o Cream com Eric Clapton, Jack Bruce e Ginger Baker.

Bom, agora podemos buscar algumas tríades perfeita no metal. Busque por algo que tenha uma sequência direta na “natureza” do metal.

Vou começar com duas das minhas tríades perfeitas: Creatures of the Night, Lick It Up e Animalize, do Kiss;

Outra tríade perfeita: The Number of the Best, Piece of Mind e Powerslave, do Iron Maiden;

Outra tríade irretocável: Heaven and Hell, Mob Rules e Born Again, do Black Sabbath;

Agora pro nosso presidente: Kill ‘Em All, Ride The Lightning e Master Of Puppets, do Metallica.

A tríade da foto não possui absolutamente nenhuma ligação, mas são 3 grandes discos do Hard anos 1980 que devem fazer parte de qualquer coleção.

Devem ter várias por aí…

Alguém lembra de mais alguma trinca genial?



Categorias:Artistas, Black Sabbath, Curiosidades, Deep Purple, DIO, Discografias, Guns N' Roses, Iron Maiden, Jimi Hendrix, Kiss, Led Zeppelin, MetallicA, Rainbow, Rush, Van Halen, Yngwie Malmsteen

26 respostas

  1. Caramba Rolf, aprendi mais de história e curiosidades do que de música aqui! Nunca pensei que a tríade do Harry Porter ía sair de ti …

    A trinca tem que estar em ordem? Exemplo: 3 álbuns em sequência de lançamento ou pode obedecer outros critérios?

    Curtir

  2. Boa sacada Rolf. Ainda na linha do Kiss penso em 2 tríades. A primeira com Kiss, Hotter Than Hell e Dressed to Kill. A segunda é a sequência com Destoyer, Rock and Roll Over e Love Gun.
    O Deep Purple tem uma tríade matadora com o In Rock, Fireball e Machine Head.
    Passo o bastão…

    Curtir

  3. Os tres Rainbow Dio – fácil – Ritchie Blackmores Rainbow, Rising, Long Live Rock n Roll

    Curtir

  4. E gosto muito dos três purple com GH. Burn, Stormbringer, Come Taste The Band

    Curtir

  5. Ozzy os três primeiros = Blizzard, Diary, Bark

    Curtir

  6. Mais um e vou deixar para a galera. Holy Diver, Last in Line e Sacred Heart

    Curtir

  7. Eu não ia botar mais nada, mas como gosto de burlar as brincadeiras dos outros, la vem mais tres triades, 1) 2112, Farewell To Kings, Hemispheres
    2) Farewell To Kings, Hemispheres, Permanent Waves
    3) Hemispheres, Permanent Waves. Moving Pictures

    Curtir

  8. Eu tenho uma tríade de guitarristas revolucionários:
    Robert Johnson
    Jimi Hendrix
    Alex Van Halen

    Curtir

  9. O três primeiros do Malmsteen diferem-se entre si em estilo, mas em qualidade trazem 90% do melhor material do sueco até hoje.

    Eu indico então O Malmsteen’s Rising Force, Marching Out e o Trilogy como uma bela trinca.

    Alexandre

    Curtir

  10. Genial o post e quero especialmente agradecer ao Rolf pela menção – eu não esperava algo do MetallicA. Mas esperava ainda menos algo do Harry Potter. Rolf sempre surpreendendo…

    O bom do MetallicA é que podemos fazer a tríade partindo do primeiro, como o Rolf fez. A minha fica assim: Ride The Lightning, Master of Puppets e …And Justice For All. Quer partir do Master até o Black Album? Sem problemas também.

    Só vale metal? Posso fazer dos Beatles? Se puder, vale tudo, basta seguir a ordem que quiser :-).

    Eu vou de Guns: Appetite e os 2 Use Your Illusion.

    E esta? Highway To Hell, Back in Black e For Those About to Rock We Salute You (“cê é loko, cachoeira”).

    Bruce Dickinson: Accident of Birth, The Chemical Wedding e Tyranny of Souls.

    Led Zeppelin… tendo o 4, comece e termine por onde quiser…

    [ ] ‘ s,

    Eduardo.

    Curtir

  11. Minha tríade preferida do heavy metal é British Steel + Screaming for Vengeance + Defenders of the Faith. Três discos clássicos do Judas Priest, minha banda preferida do estilo também. Simplesmente isso, turma!

    Curtir

    • Igor
      Excelente trinca
      Defender of the Faith é obra prima

      Curtir

      • Muito obrigado, Rolf… Sem dúvida British, Screaming e Defenders são três obras-primas não só do metal, mas de toda a música em geral. Esqueci de citar a minha segunda tríade favorita do metal: Blood of the Nations + Stalingrad + Blind Rage. Três álbuns que formam a trinca de ouro da fase recente do Accept. Gosto muito dos discos clássicos com o Udo, mas esses três que eu citei com o Tornillo nos vocais são tão bons quanto! PS: não gostei do último disco de estúdio deles, o The Rise of Chaos (acho que eles mudaram algumas coisas nele…).

        Curtir

        • Igor
          Você está “contratado” aqui meu amigo …..rsrsrs
          Eu tenho exatamente a mesma opinião que você
          A volta com Mark Tornillo e os 03 primeiros da era de retorno são fantásticos …. são 03 discos no mesmo formato, com a qualidade de composição muito parecidas
          Concordo com você ……
          Uma trinca que talvez você goste muito assim como eu é Jugulator, Demolition e Angel of Retribution

          Curtir

          • Muito obrigado, meu caro Rolf… A mudança de The Rise of Chaos não foi só na parte musical, mas também na formação do Accept (Stefan Schwarzmann e Herman Frank saíram da banda, e foram respectivamente substituídos por Christopher Williams e Uwe Lullis), e quando eu ouço este álbum, a sensação é que a própria banda parece estar cansada e sem inspiração, depois do enorme sucesso dos três discos anteriores da “fase Tornillo”. Pra piorar ainda mais a situação, o veterano Peter Baltes (baixista e um dos fundadores do grupo) saiu no ano passado. Vamos ver o que mais o destino irá reservar para a minha banda favorita vinda da Alemanha… E sobre os discos do Judas Priest que você citou, nunca gostei muito dos dois únicos com o Tim “Ripper” Owens nos vocais, e valeu a citação ao Angel of Retribution – disco que marca a volta de Rob Halford, é um dos meus preferidos também, mas não tanto quanto a trinca sagrada que eu citei acima. Valeu!

            Curtir

            • Concordo que a sua trinca de
              Judas é imbatível
              Sobre a saída de Baltes essa é sem dúvida uma perda e tanto pro Accept
              Agora, engraçado que ao assistir o último show da turbe do RoC me bateu a impressão que a banda estava mal na performance no palco

              Bom ao menos um ponto nos dois nao estamos 100 alinhados mas o que não é nenhum problema: eu realmente gosto demais da era Tim Ripper e até encontramo-nos com ele no Dio Disciples
              Eu gosto muito da fase TIM mas ok

              Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: