Minuto HM – Retrospectiva 2020

Ah, o ano de 2020. Em termos gerais, o ano que será será lembrado por algo praticamente todos da gerações vivas não viveram – ou, pelo menos, não na escala global que tivemos o Coronavírus (COVID-19).

O vírus, visto por um microscópio

Sinceramente, pensei em muita coisa para “abrir” este post. Há muito o que se dizer. Mas, por outros lado, é justamente este o problema – todos querem dizer algo deste ano, ter a opinião como “verdadeira”, a realidade como verdadeira. Muitos de nós não vivemos algo que estamos vivendo hoje – uma verdadeira catarse de opiniões polarizadas, que fazem com quem tenha a opinião “a” julgue a opinião “b” como radicalmente errada, e vice-versa, em qualquer área.

Então, eu não vou embarcar nessa. Eu quero pensar em 2020 em um ano que realmente foi diferente e tentar respeitar a todos, me solidarizando com quem teve um ano difícil, quem teve um ano (dentro do possível) “normal” e até mesmo quem considera que o ano foi bom/ótimo – afinal, como em qualquer crise, onde alguns choram, outros vendem lenços. E como diria a música infantil que não sai da cabeça por aqui, “a roda do ônibus gira, gira… gira, gira… gira, gira… a roda do ônibus gira, gira… pela cidade”.

Em um âmbito estritamente pessoal, no dia 11/set/2020 – exatamente – uma data marcada pela história recente, de 2001 – para minha família, não será mais o atentado que virá à cabeça – e sim a data de nascimento do Eric, o segundo pequeno da família. Só por isso, 2020 já é um ano a ser lembrado com muita alegria por mim, ainda que com severas restrições.

E agora, vamos ao Minuto HM, o blog em seu 11º ano de vida. Como venho ressaltando, o desafio de manter ativo este espaço é cada vez maior, e sei que posso falar por todos aqui. Entretanto, vejo e fico muito feliz, satisfeito e até realizado ao ver que, mesmo assim, todos nós seguimos fazendo um esforço por algo que tanto gostamos, mesmo com nossas rotinas “matadoras” – aqui estamos, seja com posts, comentários, nossos podcasts, enfim, participando como possível. Com o Real cada vez valendo menos frente ao dólar, até mesmo de um ponto de vista financeiro, há sempre um desafio por aqui.

Mas vamos lá falar um pouco do ano de 2020 por aqui (datas de corte: 27-28/dez/2020):

  • Teremos mais de 80.000 acessos até o último segundo do ano. Muito legal ver que este número é superior ao que tivemos em 2019, em 2018 e em 2017, mesmo com os blogs cada vez mais em desuso na internet. A média diária, portanto, ficou em 221 acessos e praticamente 2 visualizações de posts para cada acesso real. Vale lembrar que já há alguns anos não estamos fazendo qualquer tipo de divulgação em canais de massa, nem propagandas, nada – quando muito, são republicações em outros blogs / sites pelo mundo do nosso conteúdo. Já não é de hoje, ainda, que comento que, infelizmente, o WhatsApp e outros mídias de leitura mais rápida e as vezes mais preguiçosa fácil acaba por canabalizar um preciosos tempo que poderíamos trazer para cá, ainda que percebo que o grupo aqui tenha melhorado a “disciplina” em relação a isso, o que é muito legal.
  • Maio foi o mês com o maior número de acessos no ano – não à toa, estávamos no auge da pandemia e do “lockdown” no país. Para os acessos ao blog blog, a pandemia “fez bem”, se é que me entendem…
  • Os 3 posts mais acessados no ano de 2019 no blog foram: Relembre as edições brasileiras do (Philips) Monsters Of Rock ; Rock in Rio 1 (1985): o ingresso e um pouco do evento e Curiosidade: clássica Twist And Shout não é original dos Beatles, como (mais de) meio mundo acha…, exatamente os mesmos do ano passada, com a inversão da posição dos primeiros.
  • 105 países acessaram o blog em 2020 dos 170 países que já o acessaram pelo menos uma vez.
  • O blog fechará o ano com aproximadamente 1.324.000 visualizações desde sua criação.
  • Baseando-se nos 1000 comentários mais recentes do blog, há uma média de 49 comentários por mês, sendo que o horário mais “usado” para comentários é em torno das 11h00 (horário de Brasília), sendo que 29/março foi nosso dia mais ativo para comentários no blog durante o ano.
  • Sexta-feira foi o dia mais popular do ano em termos de acessos, sendo 16h00 o intervalo de hora mais popular em 2020.
  • Sem este, foram 88 posts publicados em 2019, com 675 comentários (média de 7,7 por post), 83 “likes” em posts, 93.428 palavras e cada post com média de 1.062 palavras.
  • No total, temos 10.922 itens publicados em nossa biblioteca de mídia (99% fotos) usando 12,6 GB de dados. O blog continua usando o pacote “Business” do WordPress para suportar essa volumetria toda, já bem superior ao espaço antes “free”, além da renovação anual do domínio (www.minutohm.com).
  • O post mais comentado do blog continua sendo o “Iron Maiden – The Book Of Souls – primeiras impressões“, com 173 comentários.
  • Não há uma estatística – ou pelo menos não achei como fazer – mas nossa Agenda de Shows e Eventos no Google continua sendo atualizada, com muito sacrifício, com os principais acontecimentos por todo o Brasil, e 2020 marcou um ano de sacrifício duplo – colocar tudo, atualizar tudo, e depois ter que alterar e/ou remover os eventos. O recurso continua em avaliação para continuidade no futuro…

Nas redes sociais, continuamos com as mesmas contas, sendo o Instagram potencializado com acesso a materiais próprios, fotos, vídeos, piadas, etc (nosso conteúdo mais informal / leve / “WhatsApp-like”. Mas vamos ver agora o que interessa, mesmo: o conteúdo do blog!

www.minutohm.com

_____________________________________________Podcast_Minuto_HM_logo

Nossos podcasts:

Nossos podcasts trimestrais continuam acontecendo sem falhas desde sua criação. Quem sabe, em 2021 – mais provável, 2022 – voltamos a nos encontrar para um podcast presencial?

Além disso, como parte do crescimento e atualização constante do blog, os teasers, sempre preparados com a maestria única do B-Side, passaram a ser disponibilizados para streaming e/ou download no no Deezer e Amazon Music também (além dos outros serviços), nos colocando, assim, com opções para os maiores serviços de streaming da atualidade.

Por fim, em 2020, passamos a fazer nossos podcasts com o vídeo ligado, quando FINALMENTE migramos do Skype para outra SOLUÇÃO, em maiúsculo, mesmo (de momento, Google Meet, esperando ainda que o Google deixe o Meet de graça, afinal, se o motivo de deixar era a pandemia, não teria motivos para tirar agora…).

_____________________________________________

Discografias em andamento:

_____________________________________________

Alguns dos posts por ordem cronológica:

Janeiro

Fevereiro

Março

Abril

Maio

Junho

Agosto

Setembro

Outubro

Dezembro

_____________________________________________

Coberturas e Resenhas de shows / eventos pelo Brasil:

_____________________________________________

Especial – Coberturas / Posts Internacionais:

A parte de shows e eventos do blog, sempre tão agitada e um dos destaques do nosso espaço, reflete bem como foi 2020… ou melhor, como NÃO foi…

—————————————————————

† Prestamos também aqui uma homenagem aos grandes nomes que nos deixaram em 2020 – nomes de MUITO, mas MUITO peso – sem qualquer ordem e lista não exaustiva: Martin Birch, Neil Peart, Eddie Van Halen, Little Richard, Bob Kulick, Ennio Morricone, Reed Mullin, Jason Rainey, Kenny Rogers, Bill Rieflin, Lou “L.A.” Kouvaris, Brian Howe, Paul Chapman, Peter Green, Tony Costanza, Pete Way, Frankie Banali, Lee Kerslake, Mark Stone, Gordon Haskell, Bones Hillman, Tony Hooper, Jason Slater, Pelle Alsing, Mac Davis, Gloria Dobbins, Charley Pride, Steve Priest, Jamie Oldaker, Terry Doran, Trini Lopez, Astrid Kirchherr, Alan Merrill, Claudio Roditi, Leslie West…

Mais sobre o tweet acima aqui.

E no mundo não relacionado com música, não há como não deixar um singela, mas sincero parágrafo a dois nomes sinônimos de altíssimo nível em seus esportes, verdadeiros gênios em suas profissões: Kobe Bryant e Maradona.

—————————————————————

Votos que já venho fazendo nas retrospectivas passadas, mas que repito: “que o próximo ano seja marcado por menos WhatsApp, Facebook e afins e por mais mais pelo blog e encontros pessoais, ou pelo menos pelo Skype Google Meet (voz, não mensagens). Muita saúde e que os aparelhos de sons continuem no volume 11″.

—————————————————————

Por fim, e nunca menos importante, quero dedicar este post a todos que participaram do blog neste ano, cada um com sua contribuição. Obrigado a todos, mas um parabéns especial ao Kelsei, que continua sendo nosso desbravador e “puxador” de muitas iniciativas legais por aqui!

E também (continuar) dedicando este post ao Daniel, que deixou um buraco que nunca será preenchido por aqui.

—————————————————————

Obviamente, não posso, do meu lado, deixar de dedicar este post ao Eric, em seus primeiros meses de vida! E deixar um beijo para o Ivan também, é claro. O ano de 2020 foi em geral difícil, estranho, chato, etc, mas o Eric e o Ivan o transformaram em algo único, especial – afinal, pude estar muito mais tempo com eles e isso não tem preço.

Valeu, galera! Vejo todos vocês em 2021, aqui e, espero eu, presencialmente – mais que nunca!

[ ] ‘ s,

Eduardo.



Categorias:AC/DC, Angra, Artistas, Bandas Independentes, Black Sabbath, Blaze Bayley, Cada show é um show..., Covers / Tributos, Curiosidades, DIO, Discografias, Dream Theater, Iron Maiden, Kiss, Living Colour, MetallicA, Minuto HM, Off-topic / Misc, Pink Floyd, Queen, Queensrÿche, Quiet Riot, Resenhas, Rush, Sepultura, Shaman, The Beatles, Trilhas Sonoras, UFO, Uriah Heep, Van Halen, Viper, Whitesnake

12 respostas

  1. Srs minuteiros.
    Muito legal ver os números do décimo primeiro ano do blog. E termos isso tudo sem nenhum chamariz mercadológico. E vou seguir a sua onda e vou enaltecer as coisas boas do ano. Olha: estamos todos aqui e bem (dentro do possível e graças a Deus) e temos o Eric como mais novo integrante do blog, muito bem vindo no 9o mês do ano. Impressionante é ver os downloads e acesso aos Podcasts, que continuam muito engraçados, e que evolução tivemos com a ida ao Meet.
    Eu continua achando que podemos nos reunir mais frequentemente, mas entendo as dificuldades….
    Muito assunto interessante por aqui e temos uma série de novidades do Minuto HM que está muito legal e ganhando força. Ótimos posts do Ale B Side e Rolf, sempre perspicaz. Muita coisa boa e com qualidade MHM.
    E agora um parágrafo de quem leu tudo aí em cima e resolveu mudar de assunto e já refletindo o óbvio: Eu tive um ano (como todos) bem diferente e ainda me acostumando com o que tenho ao redor (literalmente), fiz uma belo acesso ao material físico disponível no meu novo “quarto” de trabalho, com releitura dos vinis, nas minhas “férias”, dei uma bela “backupeada” nos videos que tinha, e deixei eles com acesso em HD, e no fim até a fita K-7 voltou a tocar aqui em casa. E ainda tem fôlego para continuação, pois agora estou no acesso a “nossa coleção” posterior a 92, com um novo backup dessa vez das coisas que estão no Alexandre, “trazidas” para cá. E deve ter mais maluquice em 2021….(está vindo treco). E nessa bagunça aparece mais um doido que resolve atacar os vinis? Realmente 2020 fica com o ano que prestamos mais atenção para dentro, e pelo menos aproveitei para entender cada vez mais, que precisamos nos cuidar e principalmente aproveitar cada minuto (HM) com coisas realmente interessantes e importantes.
    E aí voltando para o Blog, como reflexão novamente, sempre que volto aqui, identifico-o como um oasis num mar de coisas descartáveis na internet, e aí vão os novos parabéns para toda a tchurma e principalmente o genial mentor dessa empreitada.
    Bom vou me despedindo da reflexão de 2020, pronto para coisa melhor para todos em 2021.
    E por fim (sempre tem um treco para cutucar, não é): Pensando em coisa melhor para 2021, lembrei de uma discografia que apareceu ai em cima, como em progresso, progresso para 2021? ou ainda há espaço em 2020?

    Curtir

  2. Adoro esse post – já é tão aguardado quanto o panetone no final do ano! Senti falta da sessão que informa os termos mais pesquisados no blog nesse ano. Nos anos passados, o campeão era o “Avenged Sevenfold” e eu queria saber se isso se manteve. É um bom balizador para saber o que os leitores buscam.

    Como eu sinto falta de um show! Vem vacina!

    Abraço pra todo mundo!

    Curtir

  3. Lado Earth Guitar ?????? Só tem uma explicação :

    Adrian Smith….

    Curtir

  4. Pessoal, de forma tardia desejo a todos um 2021 melhor que 2020. Reli o post hoje, já havia ficado novamente encantado com os números e, mais do que eles, da análise sempre muito coerente do Eduardo sobre o que foi 2020 aqui no Minuto HM.
    A parte que me chamou mais a atenção foi o detalhamento mês a mês dos posts publicados. Ali já tive vontade de rever alguns, devo realmente passar os olhos em alguns deles em breve. É um conteudo de muita qualidade. Parabéns a todos por aqui, reforço os parabéns ao Kelsei.
    A mim sempre fica a sensação de querer estar mais presente, o tempo é sempre um inimigo nessas horas.
    Que em 2021 tenhamos novas publicações nessa qualidade “MINUTO HM” .
    Um abraço a todos !

    Valeu

    Curtir

  5. [ ] ‘ s,

    Eduardo.

    Curtir

Leave a Reply

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

<span>%d</span> blogueiros gostam disto: